Top Mensal de Março

Advertisements
Em www.bertrand.pt

Já dizia o provérbio “Março, marçagão, manhãs de Inverno, tardes de filmes (e noites de filmes também). Acho que é mais ou menos assim.

Muita coisa vi eu neste mês… Por isso, considerei bastante difícil efetuar esta pequena lista do Top mensal. Mas com coragem e alguma dose de paciência foi mesmo possível. Vamos lá então…

3 – ‘Les Quatre Cents Coups’ (1959)

Rating: 4.5 out of 5.

Este filme está na MUBI e foi um filme para o qual fui quase às escuras… ou seja vi ‘Antoine et Collette’ antes deste filme. Erro de principiante? Completamente! Mas depressa o corrigi e fui atrás (literalmente), do que seria a tal forma correta de o ver e não me arrependi nem um segundo. Ou seja, eu acabei por ver a razão do Antoine ser como era na sequela deste filme e assim até acabei por, de certa forma, compreender melhor porque ele se tornou em quem se tornou.

Um facto interessante: em francês a expressão faire les quatre cents coups, seria algo como o nosso famoso “já fez trinta por uma linha”, isto a meu ver, pois isto significa que já experimentou tudo e mais alguma coisa no que toca à “vida de malandro” e o Antoine é um “malandro” com toda a certeza, pois ele vai contra tudo o que é comum e normalmente aceite em sociedade.

2 – ‘Spencer’ (2021)

Rating: 4.5 out of 5.

“Cheguei a ler e até a concordar que é um filme que começa em nenhum lugar e acaba em lugar nenhum, porém só faria sentido dessa forma mesmo, não é um filme para ser pensado de uma forma histórica mas sim de uma forma emotiva e, cumpriu perfeitamente o seu objetivo. Se já gostava da personalidade que foi a Lady Di, aqui ainda me conseguiram ficar mais na memória todas as crueldades a que foi exposta no seio daquela horrorosa família.” Conforme o artigo acerca do filme.

O filme é ótimo e merece ainda mais hype do que o que está a ter… Por isso, recomendo já irem ver na Amazon Prime Video!

1- ‘Summer of Soul (or When the Revolution Could Not Be Televised’ (2021)

Rating: 5 out of 5.

“Penso que quanto ao seu conteúdo, o mesmo dispensa apresentações porque é bem claro a partir do título do mesmo. Fala-nos de um festival que aconteceu ao mesmo tempo que Woodstock e parece que ninguém fala dele, até as pessoas que lá estiveram dizem coisas mais ou menos como: “Eu pensava que estava maluco até ver estas gravações, pensava que tinha imaginado tudo isto…”” conforme o artigo onde dou 5 Razões & ½ Para Ver.

O filme encontra-se disponível na Disney+ e mostra um lado completamente diferente do que estamos habituados a ver na história normalmente falada. Isto é EXTREMAMENTE IMPORTANTE também, porque é que não é mostrado?!

Menção Honrosa – ‘Nuit et Brouillard’ (1956)

Rating: 4.5 out of 5.

Esta curta encontra-se disponivel na MUBI e é de uma brutalidade enorme. Como já devem ter percebido pela imagem, trata-se de uma curta metragem acerca do holocausto. Em que nos é mostrado durante cerca de 30 minutos algumas das atrocidades efetuadas naqueles campos e concentração nazis, além de imagens em que vemos os cabelos das pessoas num monte, os seus pertences, as suas roupas e até o que viria a servir para fazer sabão (mais não digo).

Em suma, é uma ótima obra mas se o forem ver aconselho a fazerem-no de estômago vazio ou então irá ser uma viagem muito atribulada.

Espero que tenham gostado!
Não se esqueçam de seguir as redes sociais do projeto aqui!

#PUB

Não sei se já sabem ou conhecem a Amazon Prime Video, da qual eu sou uma grande fã, até porque me permite ver filmes, ver séries e fazer compras. Ah, e sabem aquela coisa horrível quando não conseguem lembrar-se do nome do ator que está no ecrã? A função X-Ray é fantástica e vai dizer quem está no ecrã naquele momento, e até qual é aquela musiquinha gira que está a dar no filme/episódio.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.