Vi ‘007 – No Time To Die’ no Cinema! – SEM SPOILERS

Advertisements
Em www.bertrand.pt

Rating: 4 out of 5.

Título: 007 – No Time To Die
Ano de Lançamento: 2021
Género: Ação; Aventura; Thriller.
Realizador: Cary Joji Fukunaga
Escrito por: Scott Z. Burns, Robert Wade, Neal Purvis, Cary Joji Fukunaga, Phoebe Waller-Bridge.
Elenco Principal: Daniel Craig, Rami Malek, Léa Seydoux, Lashana Lynch, Ralph Fiennes, Ben Whishaw, Naomie Harris, Jeffrey Wright, Christoph Waltz, Billy Magnussen, Ana de Armas. 


Parece que estava a querer dizer no título “olhem, fui ao cinema” como uma criança que faz inveja às outras no jardim de infância, e realmente estava, porque acho que não entrava numa sala há mais de 2 anos, seja por circunstâncias profissionais, monetárias e pela maior circunstância de todas… a da pandemia. Até ter visto este filme, tinha visto outros dois dos quatro anteriores com Daniel Craig como o fantástico James Bond.

Já experiente no Universo de Bond, há coisas que quero que se mantenham sempre. Como por exemplo, as perseguições em ruas apertadas, a ação, os gadgets, todas as invenções e toda aquela demora típica até chegar o genérico com a nova música e sempre tão bem a mostrar o enredo de forma subtil. ‘No Time To Die‘ em específico, fá-lo de forma exímia e mantém o Factor Bond bem presente neste último filme da franquia.
Porém, algo mudou, desta vez a sequência de abertura em nada tem a ver com o nosso James Bond. Tem a ver com a sua esposa e com o grande vilão interpretado por Rami Malek, que tem um papel determinante na narrativa do filme. Tem ele esse papel determinante, tal como têm as memórias que este provoca à esposa de Bond, Madeleine, interpretada pela Léa Seydoux. Esta personagem irá centrar a narrativa e o nosso agente secreto favorito vai ter de lutar muito por ela e não só… (eu prometi que era sem spoilers).

Com todas as questões de quem será o novo agente nos próximos filmes… Pois, é verdade, nada é respondido mas há nomes de peso no radar, mesmo assim, como já disse, nada disso é revelado neste filme (não é spoiler mas para quem diz que não pode ser uma mulher este filme prova-nos o contrário com as prestações de Ana de Armas (que ajuda 007) e Lashana Lynch (que usa o número do agente durante um tempo, pois, como sabem, o nosso agente é mesmo muito humano e comete erros às vezes).

A fotografia é impecável, as paisagens ajudam imenso mas está tudo feito de uma forma tão bonita. É verdadeiramente prazeroso (literamente) só olhar para este filme. O resto vem por acréscimo e, claro, chegou a hora de falar do mais importante: o fator emocional que este filme tem.
Geralmente os filmes de 007 são mais conhecidos por todo o glamour de ser um agente secreto e tudo isso… Neste filme esqueçam tudo isso e temos acesso a uma verdadeira história com emoção, amizade e até família.

Resumindo e concluindo, adorei imenso ver este filme, também por ter passado tanto tempo sem entrar numa sala de Cinema mas muito devido à qualidade do mesmo. Foi um tempo muito bem gasto e uma experiência fantástica. Já tinha saudades do 007, mas na verdade foi tempo de despedidas.
Quem acham que irá ser o próximo 007? Eu apostava no Henry Cavill, I can feel it!

Recomendações: tenham por perto um pacote de lenços.

Espero que tenham gostado!
Não se esqueçam de seguir as redes sociais do projeto aqui!

Um pensamento sobre “Vi ‘007 – No Time To Die’ no Cinema! – SEM SPOILERS

  1. Pingback: Top Mensal de Outubro | Tela Invisível

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.